sábado, 4 de junho de 2011

Como sois capaz de tal feito?

Como sois capaz de tal feito?
Com um olhar fostes capaz de me enfeitiçar
com um sorriso cativais-me
para depois me deixares na solidão sóbria e sombria
se ao menos me "alegrasses" com as tuas antigas "rebeliões"
Em tempo fostes meu cavaleiro cintilante
e de facto brilhavas nessa tua armadura diante do teu nobre corsel
branco como a neve.
No fim não restou nada, o que ficou, quebrou-se em escassos segundos.
Como sois capaz de tal feito?

Diana Silva